domingo, 16 de janeiro de 2011

AS LEIS PRESCREVEM....AS HISTORIAS NÃO...!

Era uma vez uma historia ..." um presidente de uma aldeia muito grande que tinha muitas secretarias, mas havia uma em especial á qual ele já tinha deitado o olho.
Por variadíssimas vezes ele a abordou com o fim de sair com ela para jantar e..., ela coitada muito aflita já não sabia como dizer que não após tantas insistências por parte do homem.
Ela um belo dia dirige-se a uma pessoa amiga e conta a historia de que o homem não a deixa em paz e que ela esta com medo de que se não aceitar sair com ele , não lhe renova o contracto e fica sem emprego.
Ela após conversar com essa pessoa amiga lá acalma.
Vai ter com o homem e diz-lhe que aceita.
Ele diz-lhe que vão jantar num castelo e pernoitar lá numa suite. Ela muita aflita vai contar á pessoa amiga as intenções do homem e diz-lhe assim (o que ele quer já eu sei é ir comigo para a cama se não for sou despedida).


Lá foram jantar ao castelo e conversaram, ela que de parva não tinha nada gravou a conversa, ao meio do jantar diz que vai á casa de banho e saiu porta fora, deixando o homem sozinho sentado á mesa...."

Como gosto de contar historias prometo que o elenco desta tem ainda muito para contar....revelações muito interessantes e quero conta las ao pormenor....há é verdade vou adiantar que qualquer historia que se preze vai haver um suicídio....

ISTO VAI LEVAR ALGUM TEMPO A CONTAR ....VOU CONTAR POR PARTES CADA DIA.

Qualquer semelhança com a realidade é pura casualidade.

RONDELVAS

Etiquetas: , , ,

20 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Porra... conta lá pá, porque estou a rasca para saber quem é a secretária e quem é o reizinho da aldeia.

Não me digas que... foi o Zé? Bom, se foi ele perdoem-lhe metade que eu já lhe perdoei a outra metade.

domingo, 16 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Coisas da Vida


Achei uma moeda
Ao me perder no caminho
Encontrei um amigo
Quando estava sozinho
Fui num jardim
E não tinha mais flor
Mas encontrei no dicionário
O significado do amor
Corri pela chuva
Desenhei um coração
No embaçado da vidraça
Esperei você chegar
Mas essa hora louca que não passa
Passaram muitos dias
E você não veio a mim
Foram varias noites frias
Sem seu perfume de jasmim
Andei fora da calçada
O tempo transforma o amor
Em definitivamente nada
Mas eu não posso entender
Se esse era amor real
Como pode me esquecer?
Encontrei com uma árvore
Onde tinha gravado um coração
Meu nome e o seu
Ainda estavam lá
Porque você não vem então?
Deixe quieto
Deixe pra lá
Esse papo já está ficando sem graça
Então sentei naquele mesmo banco
Naquela que era a nossa praça
Olhei pro céu
O sol se despedia
Eu implorei pela chuva
E ela teimosa não caia
Então contei estrelas
A sua não estava mais por lá
A minha solitária e ferida
Continuava a chorar
Peguei meu violão
Que estava tão calado
E toquei uma canção
Ao amor desesperado
Depois calei a minha voz
Rabisquei uma poesia
E fui dormir
Pois já era madrugada
E a rosa em minha mão
Já estava com sua pétala fria
Beijei seu travesseiro
E caí num sono profundo
Fui sonhar com sua paz
Pra redescobrir seu mundo
Parecia loucura
Mas era real
Sobrou do nosso amor
Apenas um tchau.

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

"Não sei quantas almas tenho"

Não sei quantas almas tenho.
Cada momento mudei.
Continuamente me estranho.
Nunca me vi nem achei.
De tanto ser, só tenho alma.
Quem tem alma não tem calma.
Quem vê é só o que vê,
Quem sente não é quem é,
Atento ao que eu sou e vejo,
Torno-me eles e não eu.
Cada meu sonho ou desejo
É do que nasce e não meu.
Sou minha própria paisagem,
Assisto à minha passagem,
Diverso, móbil e só,
Não sei sentir-me onde estou.

Por isso, alheio, vou lendo
Como páginas, meu ser.
O que segue prevendo,
O que passou a esquecer.
Noto à margem do que li
O que julguei que senti.
Releio e digo: "Fui eu"?
Deus sabe, porque o escreveu.

EU. SOU UMA LENDA DENTRO DESTE LUGAR ONDE ESTOU!!!

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Sou Lenda,

porque as lendas são envoltas em mistérios e magias.

São uma criação dos caminhos da mente,a vaga imaginação,da libertação
dos silêncios da alma…

Sou Lenda,

porque as lendas correm livres junto ao vento, buscando as vozes da
memória para que alcancem, as histórias perdidas no tempo…

Sou Lenda,

pelo desejo incontido que há em mim,

de tornar possível o encontro entre a lua e o sol. Diminuindo o entrave da dor…

Então, sendo Lenda

posso cavalgar pelos sonhos,velejar pelos mares de sua saudade,
passear solta pelo seu pensamento…

Sendo Lenda,

posso brincar na sua alegria, ser parte da sua emoção, e caminhar,
tranqüila, pela sua ilusão…

Sendo Lenda,

posso escrever meu nome em sua vida, e me instalar no aconchego do seu
coração, como uma sensação chegando pelo perfume do ar…

Sendo Lenda

posso ser parte de você, sem você perceber…

PORQUE AS LENDAS FICAM!!!
AS LENDAS NÃO MORREM!!!
VIVEM DE VIDAS EM VIDAS, NINGUÉM APAGA OU ESQUECE UMA LENDA...

EU, SOU UMA LENDA, aqui, ali, SEMPRE E PARA SEMPRE

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

a viagem da vida no DIA À DIA é alargar os meus Horizontes!!!! E TU????


No barco sem ninguém, anónimo e vazio,
ficámos nós os dois, parados, de mão dada...
Como podem só dois governar um navio?
Melhor é desistir e não fazermos nada!

Sem um gesto sequer, de súbito esculpidos,
tornamo-nos reais, e de madeira, à proa...
Que figuras de lenda! Olhos vagos, perdidos...
Por entre nossas mãos, o verde mar se escoa...

Aparentes senhores de um barco abandonado,
nós olhamos, sem ver, a longínqua miragem...
Aonde iremos ter? — Com frutos e pecado,
se justifica, enflora, a secreta viagem!




Agora sei que és tu quem me fora indicada.
O resto passa, passa... alheio aos meus sentidos.
Desfeitos num rochedo ou salvos na enseada,
a eternidade é nossa, em madeira esculpidos!


No barco sem ninguém, anónimo e vazio,
ficámos nós os dois, parados, de mão dada...
Como podem só dois governar um navio?
Melhor é desistir e não fazermos nada!

Sem um gesto sequer, de súbito esculpidos,
tornamo-nos reais, e de madeira, à proa...
Que figuras de lenda! Olhos vagos, perdidos...
Por entre nossas mãos, o verde mar se escoa...

Aparentes senhores de um barco abandonado,
nós olhamos, sem ver, a longínqua miragem...
Aonde iremos ter? — Com frutos e pecado,
se justifica, enflora, a secreta viagem!

Agora sei que és tu quem me fora indicada.
O resto passa, passa... alheio aos meus sentidos.
Desfeitos num rochedo ou salvos na enseada,
a eternidade é nossa, em madeira esculpidos!

“Uma longa viagem começa com um único passo”.

DESEJO-TE UMA BOA VIAGEM, EM TUDO EM TUA VIDA....
a viagem da vida no DIA À DIA é alargar os meus Horizontes!!!! E TU????

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Ó Sr. alcinão lá por não conseguir poleiro, os outros não têm culpa, apareça dia 19, lá na concelhia e diga na nossa cara o que anda a dizer nas nossas costas. Isso é que é de Homem.

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Só gente do melhor no partido sociaiista de portalegre. Este cacique de merda do roldão de almeida é mesmo um grande filho da puta acompanhado de bufos da mesma espécie,que vão levar elvas á ruína.

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Sendo Lenda

posso ser parte de você, sem você perceber…

FUI TRATADA COMO QUE NÃO EXISTISSE...

FUI PERSEGUIDA COMO QUE SE TUDO QUE EXISTISSE EU, FOSSE A CULPADA E A RAZÃO DE TUDO QUE NELES HAVIA OS FANTASMAS DE SUAS VIDAS...!!!!

MAS SOU UMA LENDA QUE FICO NO CORAÇÃO DAQUELES QUE DE VERDADE ME CONHECEM E ME AMAM!!!????

PORQUE O LIVRO DA MINHA VIDA E SUOR E LAGRIMAS AQUI DERRAMADAS DE FORMA INJUSTA...FICAM CÁ, NINGUÉM PODE LIMPAR, APAGAR, OU DEIXAR NO ESQUECIMENTO...!!!

SOU UMA LENDA QUE FICA NA HISTÓRIA E VIDA DESTA CASA, DESTE LUGAR QUE NÃO SOUBE DAR VALAR AMOR E PAZ...POR ISSO AS LENDAS FICAM NÃO MORREM MESMO QUE A SUA PERSONAGEM PARTA PARA ALGUM LUGAR!!!!

EU, SOU UMA LENDA...FUI UMA LENDA QUE AQUI DEIXEI MEU SER TUDO QUE DE MELHOR VOS QUIZ DAR E NÃO ME OLHARAM NAO ME AMARAM...NÃO ME RECONHECERAM...PORQUE EU, SOU DIFERENTE, TENHO ALMA, UM CORAÇÃO QUE BATE DA FORMA QUE O VOSSO CORAÇÃO NÃO QUIZ BATER, EU SOU A LENDA QUE VOÇES NÃO PODEM APAGAR DA HISTORIA DESTA CASA NEM DAS VOSSAS VIDAS....

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Tomei conhecimento pelas notícias da campanha eleitoral para as presidenciais, que o candidato Cavaco Silva esteve em Arronches, foi recebido pela população e pela Presidente da Câmara e restantes autarcas e que visitou o museu(a)brincar. Tomei igualmente conhecimento que o candidato presidencial Manuel Alegre, depois de visitar Campo Maior e dirigindo-se para Portalegre, passou na estrada que liga estas duas localidades e que não visitou Arronches.
Mas o que é isto?
No concelho mais socialista de Portugal, só porque o PS perdeu as últimas eleições autárquicas já não há socialistas para receber o candidato apoiado pelo PS para presidente da República?
ONDE ANDA O LÍDER SOCIALISTA DOS ÚLTIMOS ANOS, QUE GANHOU E CONTINUA A GANHAR A VIDA Á CUSTA DO PARTIDO E DOS MILITANTES SOCIALISTAS, PORQUE FOI PRESIDENTE DA CAMARA?
Deixou de defender os ideais do partido?
Desapareceu envergonhado? Deixou de ser militante? É que as eleições autarquicas já foram há mais de 1 ano e ele não aparece!
Os verdadeiros líderes não se deixam vencer fácilmente!Há que preparar o futuro!
Quem são os novos dirigentes do PS em Arronches?
Ainda existe estrura organizada ou o antigo líder entregou á juventude a direcção do partido em Arronches assim como entregou a vereação? Se calhar está a prepar a promoção da esposa, está a dar-lhe tempo de filiação já que só tem 1 ano e 6 meses de militante.
O PS deverá pedir contas a GIL ROMÃO pela postura demontrada nos últimos meses.
O PS não é de GIL ROMÂO. É um partido nacional que está ao serviço dos portugueses.
SÓ OS RATOS SE ESCONDEM QUANDO SÂO ACOSSADOS. NÃO ACREDITO QUE GIL ROMÃO SEJA RATO.

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

o Manel não parou em Arronches porque o cheiro nauseabundo que cobria aquela aldeia (pocilgas?) aconselhou-o a fugir a todo o gaz antes que doença grave se instalasse nos seus pulmões!

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

pois foi não parou cá pelo cheiro....mas de laranjas podres!!!!!!

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

é o cheiro que os agricultores trazem agarrado a eles de bosta de vaca... é vê-los a passear a merda por todo o lado agarrado às jantes polidas dos seus mercedes comprados por subsídios agrícolas.

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

os que trabalham, pois há aqueles que recebem só o subsídio....mas tem o cheiro na mesma

segunda-feira, 17 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

vamos dar animo a este blog senao
fica toda a gente a dormir quando chegamos ao fim destes poemas (que sao de metro).por favor nao ha novidades ?????????

terça-feira, 18 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Ânimo? Isso só com a LuLu, a Cinha Corredora e o Moita.

Até o Povo se calou...

Porra, isto tá pior do que eu imaginava!

terça-feira, 18 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

vamos é falar de gajas boas...
onde é que elas estão , a malta quer e pinar ...

faça favor de deixar contacto e hora para encontro , com a seguinte proposta (fazer e esquecer)

PS..nao se aceitam picheleiros... se gostar do cavalo, fica com ele para toda a vida...

terça-feira, 18 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Hoje mais uma vez não pude deixar de reparar na Pretalhuda que anda com o careca da escola da hotelaria... A gaja de noite dorme com o careca de dia anda com o panascas que grande confusão!!! Trabalhar faz mal então só se sai de casa as 10:45H pois é boa hora para quem nada faz... E a xanax e a Adelaidesinha compactuam com isto tudo... o dinheiro não é delas por isso é só mais dois vencimentos que vão ao ar...

quarta-feira, 19 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Pessoal a banca rota é só na Câmara ... a Fundação tem muito dinheiro, dá para todos em especial os que nada fazem... Pretalhudas, panascas de Marvão o tóninho da Aldeia, Xanax, adelaides. Mas o Zé disso não quer saber bem que podia abrir a pestana e a oposição também nada faz... acordem enquanto é tempo se não depois é tarde...

quarta-feira, 19 janeiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

e o zezinho ceia da silva?

quinta-feira, 03 fevereiro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Não vale a pena dizerem mal dos socialistas, senão vejamos o que acontece na Câmara de portalegre, o Mata Cáceres também já foi apanhado com a sua Elsinha, o Director de Departamento (Ferreira) já foi apanhado com a sua Maria Luciano, etc, etc, etc.
No entanto, em meu entender, os que se ficaram a rir não foram eles mas sim elas, arranjaram taxos e reclassificações para as duas enquanto que outros que eu conheço ficaram a chupar nbo dedo.
Mas a Câmara de Portalegre não se fica por aqui. Não tem dinheiro para mandar cantar um cego mas o Cáceres lá continua a arranjar belos taxos para os seus amigos (Nuno Lacão, Luís Nogueiro, etc.).
E não é só, apesar de não haver dinheiro para nada, continua a permitir-se que alguns funcionários tratem da vidinha toda nos carros da câmara, ou seja, vão levar os filhos à escola, vão buscar a exposa e a filha para almoçar, vão à horta, etc. (Eng.º Bilé, Luís Carrilho, Fiscais, etc.)
Agora digam-me se isto não é mesmo uma vergonha. Eu penso que sim.

terça-feira, 08 fevereiro, 2011  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Site Meter