terça-feira, 28 de abril de 2009

A VERGONHA DO PARTIDO SOCIALISTA VALE ZERO


O Ministério da Educação pediu ao Agrupamento de Escolas de Castelo de Vide autorização para filmar crianças a utilizar o Magalhães.
Mas, segundo conta hoje o Rádio Clube e o jornal “24 Horas”, as imagens acabaram por passar num tempo de antena do Partido Socialista, na RTP, no passado dia 22.
Os pais pediram já uma reunião na escola, a exigir uma explicação e a escola por sua vez, pediu explicações ao ministério, como adiantou ao Rádio Clube Ana Travassos, presidente do Conselho Executivo do Agrupamento de Escolas de Castelo de Vide.



O meu melhor amigo é o Magalhães.

Aquela criancinha adorável seguramente que votaria em quem lhe deu o melhor amigo.

No Estado.

Não, no PS.

Não é a mesma coisa?

A escola poderia ensinar as diferenças.

Etiquetas: , , , , ,

46 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Vá venham agora os meninos do PS!!! então os comentarios... Tristeza... tristeza não é?
ficaram sem pio?!
Querem ver agora que a culpa também é do Caceres!?
Assim se vê como funciona o PS!!!!

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Muito bem visto. Concordo com o ultimo anónimo, independentemente do Partido isto é uma vergonha, nunca visto, aqui sim se precisa de um novo 25 de Abril, este ar que se respira anda muito poluído...

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A unica coisa que fazem no nosso distrito é explorar as nossas crianças!!!
O resto é zero!!!
PS= sem vergonha da esquerda!!!!

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Só espero que a escola e os pais das crianças n deixem isto por aqui!!!

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Esta notícia, a ser verdade, revela uma situação gravíssima; em primeiro lugar, em termos de (i)legalidade, mas sobretudo, e em segundo lugar, em termos éticos. É escandalosa e abusiva a mistificação criada: diz-se que é para um vídeo com fins pedagógicos do Ministério da Educação (segundo foi também já divulgado numa rádio local, a equipa de filmagens até se teria feito acompanhar pelo responsável máximo, a nível distrital, do Ministério da Educação; o que conferiria uma certa veracidade "à coisa"...) e depois vai tudo parar direitinho ao tempo de antena do PS!!!
UMA VERGONHA, que precisa de ser rápida, cabal e publicamente esclarecida pelo Ministério e pelo PS; e a ser verdade a presença do tal responsável local do Ministério na altura das filmagens, esse senhor tem quer ser imediatamente demitido (no mínimo)!

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous João Ribeiro disse...

Não sei quem, mas alguém "deu uma machadada" numa idéia brilhante: O Magalhães.

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Não, o Mata Cáceres não é responsável por isto. Mas é responsável pelo endividamento a que chegou a Câmara; contribui com oito anos de marasmo para a cidade; deixa a cidade sem um rumo, uma estratégia; desbaratou dinheiros públicos sem retorno visível; durante o seu mandato assistiu ao encerramento de três grandes indústrias; decretou a demolição do campo de futebol e a destruição do Kartódromo; patrocinou um PDM "criminoso" para a cidade; manteve os portalegrenses presos a uma ilusão perigosa (e eu sou portalegrense e partilhei dessa ilusão); tem dado "machadadas" na vida democrática da Assembleia Municipal... fico-me por aqui. Por enquanto.

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

E sobre o assunto deste post?...

terça-feira, 28 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Uma vergonha o que se passou em Castelo de Vide, e não houva até agora um socialista do distrito com quem tenha falado que tenha concordado com semelhante atitude. Agora, que isto não sirva para colocar em causa o projecto Magalhães. Esta reacção Cáceres/Castelo de Vide/Magalhães é que é curiosa e só pode ter vindo de um lado. Um rebuçado a quem acertar na personagem por trás disto ... vá lá ...

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Parece que a CMP anda a funcionar sustentada em doses massivas de Benzodiazepinas. Aquela malta anda com uns nervos .... Será do quê? O Tacho estará a furar-se? Ou rebentará para ai alguma bomba mediática nos próximos tempos?

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A corja xuxalista é do melhor!
São capazes de emitir comunicados oficiais de indignação por actos contra a liberdade, como foi o caso do puto do PP que rasgou uma bandeira do PS em Castelo de Vide, recordam-se? Que indigação meu Deus! É o fim do mundo a atitude do miúdo...
Mas agora estão caladinhos, nem uma posição, opinião, nada...
A máquina xuxalista usa e abusa.
Lembrem-se na altura de votar.
Pata que os pôs....afinal o outro é que os tinha no sitio quando arrancou a bandeira!

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Deviam ver o que esse sr que está á frente da educação do distrito faz...essa ainda é das menores...
demissão??? naaa processo crime...
o que não consegue pelas vias legais consegue por baixo da mesa...mas a culpa é sempre dos outros...e continua a mandar

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

ah pois é... mas o sr nem é do ps...nem de nenhum outro...só de quem lhe der tacho...

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Lula disse...

Percebe-se pelas declarações dos socialistas, (aqui ao nível do burgo exemplifica-se com os dizeres do Testinha) que nem o PS é um partido feito por humanos, nem José Sócrates é humano.

Diz-se na sábia cultura popular que errar o é. Mas pelos vistos para o seguidismo cego socialista, o PS e o Sócrates nunca erram!!
Nunca!!

A culpa é sempre dos outros!

Só ponho a mão no fogo por mim. Jamais me passaria pô-la por um partido político interio, mesmo sem privar com 99 por cento dos seus membros.

Ou dormem todos na mesma cama?
Julgo que não!

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

O Testinha qualquer dia não tem é testa...

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Mas os Pais de Castelo de Vide estão à espera de quê? isto não é partidário é uma questão de se proteger as crianças de actos assim. O sr coordenador...quem o nomeou que lhe peça contas e o demita... já chega de de tanta porcaria!!!!!

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Concordo inteiramente. É um tipo destes que está a frentye da educação? O ps devia dispensar tipos destes à frente da hierarquia?
Os pais que atuem!São os filhos que estão em causa.
Mas que país é este que permite a esse Dr sem formação moral nenhuma estar à frente da educação?
A drea não vê nada disto? Vai deixá-lo continuar a trepar? Vai protegê-lo até quando?

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Eles têm de tomar Benzodiazepinas para aturar as baboseiras que se dizem na Ass Mun. Adoro o Sr Testa, faz-me rir imenso...

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Colocar no mesmo patamar, uma jogada de marketing de mau gosto, e um acto de vandalismo que coloca em causa os mais básicos principios da democracia, é algo que só desesperados bloguistas podem fazer. O estado de direito e a democracia portuguesa ficam em causa sim, mas é com a manipulação da nossa justiça, com a infâmia, a calúnia, a insinuação e a mercantilização da opinião mediática a serem parte integrante da nossa sociedade. Foi um grave erro, até porque se tratam de crianças, e nesse sentido os mais directos responsáveis devem responder pelo que fizeram, mas não confundam as coisas. Só quem não conhece em pormenor os mecanismos de construção de uma sociedade autoritária ou totalitária é que pode dizer estes disparates. Nem este blog poderia existir numa sociedade desse tipo. Que os responsáveis sejam punidos, é o que se pede.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Este Serrote está imparável. Andava a levar tantas sovas de seguida que agora perante este vergonhoso facto, afia as garras e atira-se a tudo o que mexe. Calma ... como já alguém muito bem disse, existem vários medicamentos para isso.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Além do gajo que é candidato a Almada.
Cá na cidade há mais P.P. responsáveis e que também devem ser iguais ao outro.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Uma vergonha o que se passou em Castelo de Vide! Nenhum socialista que se preze se identifica com esta atitude. Agora,confundir isto com a Assembleia Municipal de Portalegre? O que ali se passou, é que face à realidade apresentada pelo PS e PCP, o Cáceres descontrolou-se, a bancada laranja, habitualmente a dormir, acordou, e tiveram que recorrer ao barulho e pateada para tentar contrariar o óbvio. Portalegre está em liquidação total, e os que tanta moralidade aqui tentam destilar, mais valia olharem para de onde lhes vem o sustento mensal.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A diferença é que um homem quando erra, pede desculpas directamente aos visados como José Sócrates acaba de fazer, enquanto o Mata Cidades, nunca pediu desculpa a um portalegrense que seja por colocar a cidade no pior buraco da sua história. Agora Sr. Primeiro Ministro, falta punir quem pactuou com essa vergonha, mas que a atitude é de homem é. Afinal um homem não se deve comportar como um rato ou como uma barata tonta.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

SE esperam desculpas do Dr Paulo Pires pela asneira, esperem sentados. Ele nunca tem culpa, são os outros. Anda sempre ocupado demais a lixar uns e outros

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Os filhos da puta são todos iguais ao Paulo Pires.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Que linguagem tão agressiva!!!?? Um cházinho de erva cidreira ou de camomila faria-lhe muito bem com toda a certeza. E se for com um papo de anjo dos que sobrou da Feira da Doçaria ainda melhor. Vá lá acalme-se, a vida é mesmo assim. Umas vezes estamos na mó de cima, outras temos que nos preparar para regressar ao charco de onde tinhamos saído antes. Cumprimentos calorosos e por favôr, vá medir a sua tensão arterial que eu estou muito preocupado consigo.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

O último comentador é da corja do Paulo Pires, que foi o elemento da corja, que esteve a assistir às filmagens em Castelo de Vide a mando do camarada Verdasca da DREA.
Tu é que deves tomar chá e outras coisas.
Andas tão enganado com quem faz o blogue...

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

AFINAL A CULPA É DA EMPRESA E DA DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALENTEJO E NÃO DO PS?

Imagens usadas em tempo de antena do PS
Sócrates pede desculpa aos pais
das crianças filmadas
em Castelo de Vide

José Sócrates está a enviar um pedido de desculpas formal, por escrito, aos pais das crianças de uma escola de Castelo de Vide cujas imagens foram usadas num tempo de antena do Partido Socialista.

No dia 22 de Abril, o tempo de antena do PS foi ilustrado com imagens de crianças do ensino básico, que nas salas de aula teciam elogios ao computador Magalhães.
Alguns pais de uma escola do ensino básico de Castelo de Vide vieram a público acusar o PS de ter usado as imagens das crianças indevidamente, já que lhes havia sido dito que as filmagens se destinavam ao Ministério da Educação.

Ao microfone do Rádio Clube, o porta-voz Vitalino Canas disse que depois da polémica, o que o PS tem a fazer é lamentar o sucedido e, através do seu secretário-geral está já a dirigir, aos pais das crianças envolvidas, pedidos formais, por escrito, de desculpa pelo sucedido.

Eventualmente por ausência de informação adequada ou de actuação adequada da parte sobretudo da empresa, houve pessoas que participaram no vídeo que não tinham a exacta noção de que as imagens seriam empregues no tempo de antena do PS, e houve, porventura, algumas crianças que foram filmadas sem o preenchimento dos requisitos prévios, disse Vitalino Canas.

E aponta o dedo à produtora: A empresa contactou e relacionou-se com as escolas e com as direcções regionais da educação envolvidas, fazendo o pedido em nome do Partido Socialista para a gravação do tempo de antena para o PS.
O que aconteceu em Castelo de Vide?
Porventura, por qualquer razão que nós obviamente não dominamos, esse procedimento não foi o mais correcto, o mais adequado, e houve algum défice de informação que levou a que nem toda a gente recebesse essas indicações de que se tratava de um vídeo para o tempo de antena do PS.

Vitalino Canas salienta também que o que se passou a escola de Castelo de Vide foi um facto circunscrito e que as crianças em causa são um número reduzido tendo em conta o número global de pessoas e de escolas que participaram.

http://castelodevide.blogspot.com/2009/04/afinal-culpa-e-da-empresa-e-da-direccao.html

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Porra!
A culpa não é do PS?
É da empresa.
É do dr. dos comboios, maestro, coordenador equipa às escolas do alentejo norte, Paulo Pires.
É do director regional da educação do alentejo Verdasca.
Os cromos do Partido Socialista são uns santinhos do altar mor da igreja do largo do Rato.
Corja de vigaristas.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Esse chá de corja deve ser bom mas não conheço tal especialidade. Presumo que o Sr. esteja muito mais familiarizado com essa coisa de "corja", pois fala tanto dela. Eu chá até gosto, mas preferia aqueles do Carita no Palácio Póvoas. Eu nem quero saber quem faz o blog, pois prefiro acreditar que quem o faz somos todos nós, com corja ou sem corja. Mas volto a dizer, uma visita ao médico de familia não seria uma ideia de todo deslocada. As melhoras ...

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Mas estes tipos julgam que enganam quem? Foi tudo bem feito, e correu tudo bem em todo o lado, menos em Castelo de Vide?
Mas qual "défice de informação por razões que não dominamos", qual quê?
E o que é que lá estava a fazer o tal Pires?
Deviam era ter contratado outra vez aquelas criancinhas da empresa de actores que utilizaram quando nos impigiram o Sócrates de visita a uma "escola" a distribuir os primeiros quadros interactivos, que assim nunca tinha existido esta barracada.

quarta-feira, 29 abril, 2009  
Anonymous O corajoso anónimo disse...

Das duas uma: ou o administrador do blog tambem anda por aqui a deixar posts, ou então alguém que o frequenta é amigo desse. "..andas tão enganado com quem faz o blog ...."! Esclareça-nos a todos vá. Hoje foi dia de a proverbial coragem ficar em casa.

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Coitadinhos dos chuchalistas andam em panico as burrices são tantas ao nivel local, regional e nacional que o desespero tomou conta deles e das estruturas.
A "campanha negra" está a produzir efeitos.

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

xuxalistas e não só... são todos uns filhos da p...

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

É oficial! Um laranjinha podre admitiu que existe mesmo uma campanha negra. Bravo e obrigado pelo esclarecimento. Pelo grau de excitação e nervosismo que paira sobre a nossa cidade, é fácil de ver quem anda com os nervos em franja. Ali para os lados da Corredoura aquilo parece um manicómio.

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

"A ministra da Educação lamentou hoje que o direito à protecção da imagem de alunos não tenha sido respeitado num tempo de antena do PS e excluiu qualquer ligação entre o seu Ministério e a gravação realizada" (Agência Lusa, hoje).
Estas declarações abrem claramente a porta a quem quiser (escola e pais, nomeadamente), para accionar judicialmente os responsáveis por este episódio.
Mas já agora, se o Ministério não teve qualquer ligação com a gravação, por que carga de água é que o Prof. Paulo Pires (dirigente em Portalegre do mesmo) esteve na escola de Castelo de Vide a acompanhar as filmagens? Qualquer que seja a resposta, a consequência só pode ser uma: RUA!!!

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

E porque é que os actos de vandalismo realizados pelos meninos do PP em Castelo de Vide não são falados aqui??? Ahhh... pergunta estúpida!!!

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Pois, realmente é um bocado estúpida, é.
Ou então o autor deste comentário deve andar distraído, porque esse tema foi, de facto, aqui falado e comentado.

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Depois do primeiro cartaz relativo às eleições europeias (o tal com a foto de "Vital, o Europeu"), o PS afixou três novos cartazes, através dos quais associa o partido à assinatura da integração na CEE, à adesão ao Euro e ao Tratado de Lisboa (com fotos, respectivamente, de Soares, Guterres e Sócrates). O problema é que, no caso do primeiro deles (asinatura da integração na CEE), surge referenciada a data de 12 de Junho (tudo certo, até aqui!) de 1986 (Ops!!! Grande barracada...). Então não é que o acto decorreu, no Mosteiro dos Jerónimos como todos se lembram, em 12 de Junho, mas de 1985???
De acordo com fonte do gabinete de imprensa do PS, o erro foi detectado logo que foram colocados os primeiros "outdoor's" e imediatamente corrigido; embora, segundo parece, alguns cartazes colocados em Lisboa ainda são os da primeira versão e ostentam o erro de datas. Ainda segundo esta fonte do PS, a responsabilidade do lapso foi da empresa gráfica responsável pela impressão dos cartazes.
E o que é que isto tem que ver com o episódio da escola de Castelo de Vide? Então neste caso, e ainda segundo o mesmo PS, a culpa não foi da empresa produtora do vídeo?
Moral da história: está tudo bem e ninguém tem culpa de nada; a não ser o dirigente do PS responsável pela selecção das empresas que trabalham para o partido... Demita-se já o homem (ou a mulher), e quanto ao resto... siga para bingo!

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

O DIRECTOR REGIONAL DA EDUCAÇÃO DO ALENTEJO O VERDASCA PRINCIPAL IMPLICADO NO PROCESSO DO MAGALHÃES EM CASTELO DE VIDE

AGORA SACODE A ÁGUA DO CAPOTE E QUER LEVANTAR PROCESSO DISCIPLINAR AO CONSELHO EXECUTIVO DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CASTELO DE VIDE

Crianças levadas a mentir para o tempo de antena do PS

Pais e professores desconheciam o verdadeiro objectivo do vídeo sobre as vantagens do 'Magalhães'.

Professores e pais da escola primária de Castelo de Vide, onde foram filmadas crianças a utilizar o Magalhães para um tempo de antena do PS, estão indignados e exigem mais do que um pedido de desculpas do primeiro-ministro. Todos querem saber quem foi o responsável pela mentira e pelo engano de que dizem ter sido vítimas.

Se soubesse que era para um partido não tinha assinado porque a política não é coisa para crianças. Sinto-me enganada porque não foram verdadeiros connosco, revolta-se Cristina Lindo, mãe de uma aluna do 1º ano.

Na carta enviada aos pais pelo conselho executivo do agrupamento, pedindo autorização para a recolha de imagens, nunca é referido o verdadeiro objectivo do filme. Amanhã, dia 17 de Abril, desloca-se à escola uma equipa de televisão a fim de realizar uma reportagem no âmbito do computador Magalhães, limitava-se a dizer o pedido de autorização.

Na escola, nem as professoras das duas turmas filmadas sabiam a verdade. Laura Cardinho até gravou um depoimento sobre as vantagens pedagógicas do pequeno portátil, pensando que a reportagem tinha sido encomendada pelo Ministério da Educação, tal como lhe foi dito pelo Conselho Executivo e pela própria equipa de filmagens.

Sinto-me utilizada. Se eu ou a minha colega tivéssemos a mínima suspeita de que era para um tempo de antena, a equipa de filmagens nunca teria sequer entrado na sala de aulas, disse ao Expresso a professora.

Laura Cardinho conta ainda como algumas das respostas dadas pelos alunos no tempo de antena, transmitido na RTP no dia 22, foram conduzidas pelos entrevistadores. Queriam que um menino dissesse que fazia muitas pesquisas na Internet com o Magalhães. Aí eu não deixei porque era uma mentira. Nem o menino nem a sala de aula sequer têm Internet, relata a professora.

Perante a polémica, o porta-voz do PS afirmou quarta-feira que o próprio secretário-geral, José Sócrates, já tinha enviado por escrito um pedido formal de desculpas aos pais das crianças involuntariamente abrangidas pela recolha de imagens.

Vitalino Canas admitiu que, apesar de todos os depoimentos das crianças terem sido devidamente autorizados pelos encarregados de educação, nem todos tinham conhecimento ou a noção exacta do destino do filme, o que diz ser da responsabilidade directa da empresa contratada.

Ao Expresso, o responsável da Bebop, firma a quem o PS encomendou a realização do vídeo, recusou fazer comentários, garantindo apenas não ter recebido, até ao momento, qualquer reclamação por parte de pais ou professores da escola.

Já o director regional de Educação do Alentejo, José Verdasca, rejeita responsabilidades nesta matéria, assegurando não ter feito nenhum contacto com a escola ou com a empresa de audiovisuais Bebop. De acordo com o responsável, a ideia inicial era recolher depoimentos de apenas dois irmãos, cuja família tinha sido informada do objectivo das filmagens.

Sem se aperceber que o que tinha sido solicitado a essa família tinha outro fim, a escola estendeu o âmbito das filmagens ,afirma, adiantando que a direcção regional está a ponderar a instauração de um processo disciplinar ao conselho executivo do agrupamento.

Certo é que as explicações dadas até ao momento não satisfazem pais e professores. Queremos saber quem foi o responsável por esta mentira, exigem os encarregados de Educação.
A professora Laura Cardinho resume: Não nos chega um pedido de desculpas. Alguém errou e tem de ser responsabilizado por isso.

Texto da edição impressa do Expresso de amanhã.

http://castelodevide.blogspot.com/2009/04/o-director-regional-da-educacao-do.html

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Como quase sempre acontece nestas coisas, quem se vai "lixar" é o mais pequeno: neste caso, e como tudo parece encaminhar-se, a direcção da escola... E é porque não se lembraram de culpar a funcionária da limpeza, ou algum trabalhador dos POC's que por ali ande!
Mas, afinal, qual o papel do Pires e o que é que ele por lá andou a fazer com os da tal empresa de filmagens?

quinta-feira, 30 abril, 2009  
Anonymous J.M. disse...

As escolas estão sob responsabilidade do Ministério da Educação e o tempo de antena do PS é da responsabilidade do PS. Se a empresa que fez as gravações cometeu um erro, a responsabilidade perante os cidadãos é de quem a contratou (o Partido Socialista) e de quem a autorizou a filmar sob falsos pretextos numa escola pública (o Ministério da Educação).

Note-se que já não é a primeira vez que os socialistas não assumem as responsabilidades próprias e procuram culpar terceiros. Aconteceu a mesma coisa quando o Primeiro-Ministro chegou atrasado à ópera e, em vez de assumir a responsabilidade, atribuiu-a ao Primeiro-Ministro de Cabo Verde.

sexta-feira, 01 maio, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Este episódio das crianças no tempo de antena do PS não é apenas um problema pessoal entre Sócrates e os pais das crianças. Se fosse, ele até poderia pedir desculpas, e os pais poderiam ou não desculpar. Este episódio tem sobretudo uma componente pública. É um problema de confusão entre o Partido e o Estado. Em relação a isso, as desculpas não chegam. Quem, no Ministério da Educação e no Partido Socialista, permitiu esta confusão tem que ser responsabilizado.

sexta-feira, 01 maio, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Concordo plenamente mas deixo algumas perguntas:
- é verdade ou não que uma das crianças é filha da Sissi (paraquem não saiba, presidente da concelhia do PS de Catelo de Vide e adjunta ou chefe de gabinete ou lá o que seja do governador civil e pessoa que muitp se exaltou com um simples acto de vandalismo de um trílaró qualquer irresponsável da juventude do CDS)?
- É verdade ou não que outra das crianças é filha do engº João Melancia, dirigente local do PS e líder deste partido na Assembleia Municipal?
- É verdade ou não que o presunçoso senhor professor Paulo Pires que vai ser candidato a presidente do grupo de escola de Gavião, o que é eticament condenável porque está a desempenhar as funções de ccordenador de educação do Alto Alentejo com outra senhora toda pespineta, acompanhou as filmagens na escola?
- Assim sendo, havia ou não havia pais que sabiam da verdade?
- Porque foi escolhida a escola de castelo de Vide e aquela turma em particular?
- Se a filmagem era para o PS, que fazia ali o senhor director de educação? E se estava ali o senhor director, como é que as imagens foram parar ao PS?

Parece-me que a primeira pessoa que tem de esclarecer esta alhada é precisamente o professor Paulo Pires, que eventualmente não pode abrir a boca porque se calhar tinha de dizer que foi o incrível Verdasca que mandou.

É a tristeza das dependências quand se tem secretários de Estado incríveis como os que conhecemos e se sabe as trafulhices que fizeram e o mal que criaram e os directores regionais que nos aparecem, caramelos como o verdasca e outros que tais que confundem os aparelhos partidários com as estruturas do Estado.

Uma vergonha, é o que é, e é o que a Sissi devia ser capaz de dizer e não é, prque se a coisa se tem passado ao contrário, ou seja, se fosse um tempo de antena do PSD havíamos de ver o que fazia e o que dizia.

O problema é sempre o mesmo, falta de seriedade intelectual e dependência do tachinho.

Agora é que eu gostava de ver esta senhora a assumir com o mesmo denodo a crítica que recentemente fez quando de um siples caso de poícia que não passa de vandalismo juvenil e/ou de copos a mais.

Se o que o rapaz da JC fez é condenável e deve ser punido, não se trata, nem por sombras, de um acto com a gravidade e a responsabilidade deste em que a senhora está a ser conivente, se é que não comunga de alguma responsabilidade mesmo.

Senhora D. Sissi. Mostre que tem valor, mas para isso te,m de assumir a responsabilidade.

De certeza que o Sócrates é que não é o culpado directo deste teatro, mas desta vez sim, teve a verticalidade de pedir desculpa em nome do PS. Isso é de homem, já o devia ter assumido quando da porcaria dos projectos lá na Guarda que tmbém não lhe ficava mal.

sexta-feira, 01 maio, 2009  
Anonymous Paulo Guinote disse...

O Despudor
É tão lamentável que nem vale a pena comentar, chega a descrição dos factos… os que se conhecem, pelo menos.

Crianças levadas a mentir para o tempo de antena do PS

Pais e professores desconheciam o verdadeiro objectivo do vídeo sobre as vantagens do ‘Magalhães’.
Professores e pais da escola primária de Castelo de Vide, onde foram filmadas crianças a utilizar o Magalhães para um tempo de antena do PS, estão “indignados” e exigem mais do que um pedido de desculpas do primeiro-ministro. Todos querem saber quem foi o responsável pela “mentira e pelo engano” de que dizem ter sido vítimas.

“Se soubesse que era para um partido não tinha assinado porque a política não é coisa para crianças. Sinto-me enganada porque não foram verdadeiros connosco”, revolta-se Cristina Lindo, mãe de uma aluna do 1º ano.

Na carta enviada aos pais pelo conselho executivo do agrupamento, pedindo autorização para a recolha de imagens, nunca é referido o verdadeiro objectivo do filme. “Amanhã, dia 17 de Abril, desloca-se à escola uma equipa de televisão a fim de realizar uma reportagem no âmbito do computador Magalhães”, limitava-se a dizer o pedido de autorização.

Na escola, nem as professoras das duas turmas filmadas sabiam a verdade. Laura Cardinho até gravou um depoimento sobre as vantagens pedagógicas do pequeno portátil, pensando que a reportagem tinha sido encomendada pelo Ministério da Educação, tal como lhe foi dito pelo Conselho Executivo e pela própria equipa de filmagens.

“Sinto-me utilizada. Se eu ou a minha colega tivéssemos a mínima suspeita de que era para um tempo de antena, a equipa de filmagens nunca teria sequer entrado na sala de aulas”, disse ao Expresso a professora.

Laura Cardinho conta ainda como algumas das respostas dadas pelos alunos no tempo de antena, transmitido na RTP no dia 22, foram “conduzidas” pelos entrevistadores. “Queriam que um menino dissesse que fazia muitas pesquisas na Internet com o Magalhães. Aí eu não deixei porque era uma mentira. Nem o menino nem a sala de aula sequer têm Internet”, relata a professora.

Perante a polémica, o porta-voz do PS afirmou quarta-feira que o próprio secretário-geral, José Sócrates, já tinha enviado por escrito um pedido formal de desculpas aos pais “das crianças involuntariamente abrangidas” pela recolha de imagens.

Vitalino Canas admitiu que, apesar de todos os depoimentos das crianças terem sido “devidamente autorizados” pelos encarregados de educação, nem todos tinham “conhecimento ou a noção exacta do destino” do filme, o que diz ser “da responsabilidade directa da empresa contratada”.

Ao Expresso, o responsável da Bebop, firma a quem o PS encomendou a realização do vídeo, recusou fazer comentários, garantindo apenas não ter recebido, até ao momento, qualquer reclamação por parte de pais ou professores da escola.

Já o director regional de Educação do Alentejo, José Verdasca, rejeita responsabilidades nesta matéria, assegurando não ter feito nenhum contacto com a escola ou com a empresa de audiovisuais Bebop. De acordo com o responsável, a ideia inicial era recolher depoimentos de apenas dois irmãos, cuja família tinha sido informada do objectivo das filmagens.

“Sem se aperceber que o que tinha sido solicitado a essa família tinha outro fim, a escola estendeu o âmbito das filmagens”, afirma, adiantando que a direcção regional está a ponderar a instauração de um processo disciplinar ao conselho executivo do agrupamento.

Certo é que as explicações dadas até ao momento não satisfazem pais e professores. “Queremos saber quem foi o responsável por esta mentira”, exigem os encarregados de Educação. A professora Laura Cardinho resume: “Não nos chega um pedido de desculpas. Alguém errou e tem de ser responsabilizado por isso”.

sexta-feira, 01 maio, 2009  
Anonymous COMPADRE ALENTEJANO disse...

VAMOS LÁ AO QUE UNTERESSA. QUANDO É INAUGURADA A PORRA DA IC 13?
ESTÁ PRONTA. QUANTOS É PRECISO MORREREM NA MERDA DA OUTRA ESTRADA?
ANDAM A GOZAR COM ESTA MERDA TODA...

terça-feira, 12 maio, 2009  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Site Meter