sexta-feira, 30 de outubro de 2009

EDIÇÃO DE HOJE/AMANHÃ DO JORNAL FONTE NOVA


Clique na imagem
para ampliar

Etiquetas: , , ,

39 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Ó Simplicio querias ir para o Governo Civil?

-Mais uma vez ficas a ver o tacho a fugir!

-Somas derrotas atrás de derrotas.

-Vai para casa, abandona os cargos todos, já chega.

sexta-feira, 30 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Operação Face Oculta
Gestores do PS implicados
Por Ana Paula Azevedo, Graça Rosendo e Luís Rosa

A corrupção e o tráfico de influências junto do Governo e das empresas públicas. Leia tudo o que o MP diz sobre a ‘Operação Face Oculta’

Manuel Godinho, presidente da empresa de tratamentos de resíduos envolvida no processo ‘Face Oculta’, beneficiou de uma extensa rede de gestores ligados ao PS para conseguir os melhores negócios em várias empresas participadas pelo Estado.

O DIAP (Departamento de Investigação e Acção Penal) do Baixo Vouga e a Polícia Judiciária (PJ) de Aveiro entendem ter provas de que Armando Vara, vice-presidente do Banco Comercial Português (BCP), juntamente com os gestores Lopes Barreira (Consulgal), Paiva Nunes (EDP Imobiliária), Paulo Costa (Galp) e António Contradanças (Empoderf), Carlos Vasconcellos (Refer), José Penedos (presidente da Rede Eléctrica Nacional) e Paulo Penedos (assessor da Comissão Executiva da PT) ajudaram de forma ilegítima Manuel Godinho e o seu grupo O2 a ganharem concursos públicos naquelas e noutras empresas.

A PJ entende que Armando Vara, Paulo Penedos, Paiva Nunes, Paulo Costa e Carlos Vasconcellos receberam avultadas contrapartidas financeiras e patrimoniais para ‘abrirem as portas’ daquelas empresas participadas pelo Estado às empresas de Manuel Godinho.

Vara e Lopes Barreira: figuras centrais

Armando Vara e Lopes Barreira são nomes centrais dessa «rede tentacular», segundo as palavras do DIAP do Baixo Vouga. Amigo de Vara e um dos fundadores da Fundação para a Prevenção e Segurança (polémica entidade que Vara criou enquanto secretário de Estado de António Guterres), Lopes Barreira tem um passado de ligação ao Partido Socialista, ‘mexendo-se’ muito bem nos corredores do poder. Em 1999 foi acusado pelo general Garcia dos Santos, então presidente da JAE (Junta Autónoma de Estradas), de o ter tentado pressionar para contratar militantes socialistas para os quadros daquela empresa pública. Anos antes, a Consulgal, de Lopes Barreira, tinha estado ‘debaixo de fogo’ por ter sido a autora do projecto de renovação da Linha do Norte – obra que, devido a vários erros de vários projectistas, teve um desvio financeiro de mais de 200 milhões de euros.

No processo ‘Face Oculta’, Lopes Barreira é dado como membro de uma «rede tentacular», que, «a troco de vantagens patrimoniais e/ou não patrimoniais» terá exercido a «sua influência junto de titulares de cargos governativos e políticos, titulares de cargos de direcção com capacidade de decisão ou com acesso a informação privilegiada, no sentido de favorecerem» as empresas de Manuel Godinho.

Contactos com governantes

Um mês depois, Lopes Barreira manifestou-se disponível a Godinho para falar com Jorge Coelho, presidente da Mota-Engil e ex-ministro de António Guterres, no sentido de lhe arranjarem trabalho para as suas empresas. Só em 2008, o grupo O2 facturou mais de 50 milhões de euros, quando no ano anterior não tinham ido além dos 24 milhões de euros.

Além de Coelho, Lopes Barreira afirmou a Godinho que possuía boas relações com o então ministro das Obras Públicas, Mário Lino (peça fundamental para desbloquear o conflito que a REFER tinha com Godinho) e com João Mira Gomes, secretário da Estado da Defesa. O empresário disponibilizou-se para falar com Gomes, seu amigo pessoal, para «espoletar o favorecimento do universo empresarial» do grupo O2 junto das empresas tuteladas pelo Ministério da Defesa, nomeadamente com os Estaleiros Navais de Viana do Castelo – empresa com a qual Godinho se queixava não ter relações comerciais.

Vara apresenta a Godinho administrador da EDP

sexta-feira, 30 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

....Armando Vara, por seu lado, apresentou a Godinho um administrador da EDP Imobiliário, chamado Paiva Nunes – tendo alegadamente solicitado cerca de 10 mil euros em numerário como contrapartida que lhe foram entregues no seu gabinete do BCP, na Av. José Malhoa, em Lisboa. Paiva Nunes, segundo a PJ de Aveiro, terá favorecido as empresas de Godinho em diversos concursos lançados por aquela empresa. Paiva Nunes chegou a pedir a Manuel Godinho que lhe indicasse três empresas para uma consulta ao mercado que o grupo EDP iria realizar, ao que o líder da O2 indicou duas sociedades por si lideradas e um empreiteiro da sua confiança. O objectivo era claro: o grupo de Godinho ganharia o concurso.

Através do gestor da EDP (que chegou a ser candidato do PS à Câmara de Sintra), Godinho ‘chegou’ a Paulo Costa, director de Relações Institucionais da Galp. Costa, que é dado por Paulo Penedos como «amigo de Armando Vara», ligou a Manuel Godinho no dia 3 de Junho de 2009 e discutiu com o gestor da O2 «pormenores capazes de possibilitar o favorecimento» da FRACON – Construção e Reparação Naval, Lda – uma das empresas do grupo O2.

Paiva Nunes e Paulo Costa receberam de Manuel Godinho dois veículos topo gama, tendo o primeiro recebido um Mercedes SL 500 (avaliado em 161 mil euros) e o quadro superior da Galp um Mercedes CL 65 (avaliado em mais de 280 mil euros). A PJ de Aveiro entende que os dois veículos são uma contrapartida pelas decisões dos dois gestores.

Gestor do PS apresenta ‘colega’ a Godinho

Paulo Costa apresentou a Godinho mais um gestor ligado ao PS: José António Contradanças. Ex-dirigente do PS e ex-administrador do Porto de Sines no tempo de Jorge Coelho como ministro das Obras Públicas, Contradanças é agora administrador de uma empresa do grupo EMPORDEF – holding estatal controlada pelo Estado através do Ministério da Defesa.

Contradanças ligou a Manuel Godinho no dia 5 de Junho de 2009, «dando-lhe conta que Paulo Costa lhe havia transmitido que estaria interessado em ser favorecido nos concursos e nas consultas públicas» na área dos resíduos industriais lançados pela empresa IDD – Indústria de Desmilitarização e Defesa, SA., lê-se no mandado de busca a que o SOL teve acesso.

A principal fonte na REFER

Carlos Vasconcellos, ex-administrador do grupo Refer, é mais um gestor público que alegadamente terá sido subornado por Manuel Godinho. Segundo a PJ, Vasconcelos terá recebido de Godinho cerca de 2.500 euros em numerário para que lhe «continuasse a fornecer informação privilegiada sobre o posicionamento, o pensar e o sentir da administração da Refer», segundo se pode ler no mandado das buscas realizadas na passada quarta-feira. Vasconcellos foi uma peça importante na tentativa de afastamento da administração liderada por Luís Pardal. O ex-administrador do grupo REFER, hoje simples funcionário, tinha sido afastado por Pardal depois de a empresa ter descoberto, através de um inquérito interno, o seu envolvimento nos alegados favorecimentos às empresas de Godinho nas adjudicações da gestora da rede ferroviária.

online@sol.pt

sexta-feira, 30 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Ultima hora:

Idoso leva sova de funcionária na Santa Casa da Misericórdia de Portalegre.

Os Maus tratos anteriormente aqui denunciados continuam, onde é que estão as ditas entidades competentes?

Sexta-feira, 30 Outubro, 2009

sexta-feira, 30 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Fora ciom o Simplício e fora com a Murta

sexta-feira, 30 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A decorrer tomada de posse na Freguesia da Sé.
Ou o Xico das Dentaduras tem juizo ou nao sei o que poderá vir a acontecer.

sexta-feira, 30 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A propósito?
Quem será a cabeça deste polvo PS?

sábado, 31 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

è verdade o que aconteceu na Santa Casa mas foi mais do que uma, isto está tudo em segredo

sábado, 31 outubro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

metam o joaozinho paneleiro akele merdas do analista do hospital o panásca em cabeça de lista da sé ja que votaram neles agora aturenos

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

muito cuidadinho pessoal que o fabio cid o gaiato dos fortios é o maior.. so se for em altura perque dentro daquela cabeça so á merda... mas os socialistas gostam dele mas nao sei se lhe dao um taxo como ele tanto o procura,,

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Com a direcção que a santa casa tem não me admirava nada, vao dizendo quem são para ver se algum deles se aproveita...so se mudou

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Então era aquele parvo daquele prof Simão que batia nos alunos e os picava com um alfinete, esse agora está no cefopna na mouzinho da silveira, era a teresa da papelaria outra do pior que pode haver uma falsa de primeira! vao dizendo o resto...

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Investigação: Caso liderado pela PJ de Aveiro vai gerar novos processos
Arguido da 'Face Oculta' tenta fugir à PJ

A Polícia Judiciária está a investigar outros casos de suborno, mas decidiu separá-los da primeira fase do processo ‘Face Oculta’ para evitar a criação de um megaprocesso. O CM sabe que já no Verão foram extraídas certidões para investigações autónomas. Isto aconteceu depois de elementos da Polícia Judiciária e também do magistrado que tutela a investigação, João Marques Vidal, terem entendido que o processo devia evitar cair num excesso de factos e de arguidos, o que muitas vezes complica a produção de prova. Foi um passo contra a criação de um megaprocesso.

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Embora nas eleições para a misericórdia de Portalegre não fosse dado a conhecer a sua constituição sabe~se que alguns dos elementos são: Piedade Murta, Francisco Simão e esposa,Maria das Dores Canhão compadre Curinha e esposa,Barbado e não esquecendo a directora técnica mARGARIDA CURINHA.Há mais mas não sei quem são

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Na Santa Casa e então o Testa , esquecem-se dele ?

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

iii olha que gente essa, esse simão... a piedade... a maria teresa... parece que andaram a escolher os perfeitos nos ciganos

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Nos ciganos não. Nos contentores do lixo sim, essa gente são os vira-latas da cidade. ui ui conta-se cada historia dessa gente que até mete medo.

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Esse Curinha não é um que esteve nas Finanças? Só fazia merd.... acho que foi de lá corrido.

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Se o que aconteceu na Misericórdia está no segredo dos Deuses será porque nesta altura não lhes interessa que a população de Portalegre saiba que se está a fazer luz às denuncias que foram feitas há já algum tempo e que se aguarda que seja feita justiça no tribunal onde o caso está a decorrer

domingo, 01 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

E que histórias... Eles querem se uns com os outros.

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Manuel Godinho,
presidente da empresa de tratamentos de resíduos envolvida no processo ‘Face Oculta’,
beneficiou de uma extensa rede de gestores ligados ao PS para conseguir os melhores negócios em várias empresas participadas pelo Estado.


viva...votem neles

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A PJ entende que Armando Vara, Paulo Penedos, Paiva Nunes, Paulo Costa e Carlos Vasconcellos receberam avultadas contrapartidas financeiras e patrimoniais para ‘abrirem as portas’ daquelas empresas participadas pelo Estado às empresas de Manuel Godinho.

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Vara e Lopes Barreira:
figuras centrais

Armando Vara e Lopes Barreira são nomes centrais dessa «rede tentacular», segundo as palavras do DIAP do Baixo Vouga. Amigo de Vara e um dos fundadores da Fundação para a Prevenção e Segurança (polémica entidade que Vara criou enquanto secretário de Estado de António Guterres), Lopes Barreira tem um passado de ligação ao Partido Socialista, ‘mexendo-se’ muito bem nos corredores do poder. Em 1999 foi acusado pelo general Garcia dos Santos, então presidente da JAE (Junta Autónoma de Estradas), de o ter tentado pressionar para contratar militantes socialistas para os quadros daquela empresa pública. Anos antes, a Consulgal, de Lopes Barreira, tinha estado ‘debaixo de fogo’ por ter sido a autora do projecto de renovação da Linha do Norte – obra que, devido a vários erros de vários projectistas, teve um desvio financeiro de mais de 200 milhões de euros.

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Contactos com governantes

Um mês depois, Lopes Barreira manifestou-se disponível a Godinho para falar com Jorge Coelho, presidente da Mota-Engil e ex-ministro de António Guterres, no sentido de lhe arranjarem trabalho para as suas empresas. Só em 2008, o grupo O2 facturou mais de 50 milhões de euros, quando no ano anterior não tinham ido além dos 24 milhões de euros.

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Gestor do PS apresenta ‘colega’ a Godinho

Paulo Costa apresentou a Godinho mais um gestor ligado ao PS: José António Contradanças. Ex-dirigente do PS e ex-administrador do Porto de Sines no tempo de Jorge Coelho como ministro das Obras Públicas, Contradanças é agora administrador de uma empresa do grupo EMPORDEF – holding estatal controlada pelo Estado através do Ministério da Defesa.

Contradanças ligou a Manuel Godinho no dia 5 de Junho de 2009, «dando-lhe conta que Paulo Costa lhe havia transmitido que estaria interessado em ser favorecido nos concursos e nas consultas públicas» na área dos resíduos industriais lançados pela empresa IDD – Indústria de Desmilitarização e Defesa, SA., lê-se no mandado de busca a que o SOL teve acesso.

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

onde á um ps, á um corrupto

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

grandes obras,
revolução energética
e continuidade na Educação são prioridades de Governo

claro grandes "obras" grandes negócios, para os "amigos" do PS

quem votou neles???

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Os corruptos devem ser punidos.
Já está desvendada a Operação Face Oculta.
Só falta saber quando a divulgação da Operação Dupla Face.

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Será que desta vez a justiça vai mesmo funcionar?
Ou os poderosos do PS serão mais uma vez inocentados?

segunda-feira, 02 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

o novo secretario de estado da justiça:
João Correia...hummm???...este nome não me é estranho..onde é que já ouvi este nome???

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A maioria de vocês é de uma futilidade atroz. Valia bem mais que olhassem para os vossos umbigos e se mantivessem calados. Imbecis.

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

O Blogue perdeu todas as caracteristicas de um verdadeiro blogue, um espaço público, de debate e opinião...
A má língua destruiu tudo...

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

mais 400 pessoas para o desemprego no distrito de portalegre, onde isto vai parar...
estamos á beira do caus no interior do país... esqueçidos mesmo..

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Afinal o Xico Dentaduras sempre é muita "esperto" de uma cajadada matou 2 coelhos deu um bolinho á CDU e correu com o PSD do executivo isto tudo sem maioria ficou no executivo 3 do PS e 2 da CDU belo negocio pro Xico, pessimo negocio para a CDU porque será???

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

realmente este blog é mesmo um CAUS (lol)!!!!só se dizem verdades.....

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A maioria de vocês é de uma futilidade atroz. Valia bem mais que olhassem para os vossos umbigos e se mantivessem calados. Imbecis...


este senhor, quer tudo caladinho.
a verdade sobre os corruptos do PS é uma futilidade ?

deves ser do ps, futil

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

Péssimo negocio para a CDU porque será???

saiu a lotaria à CDU, a terceira força politica na sé, tem mais poder que o xico dentaduras.

afinal alguém consegue ver esse senhor em portalegre?
a sé tem um presidente virtual.

a população tem aquilo que merece

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

A Frase

“"Não há máfia em Portugal porque não é preciso ameaçar gente com uma pistola. Basta abanar umas notas".

João Miguel Tavares, "Diário de Notícias", 03-11-2009

terça-feira, 03 novembro, 2009  
Anonymous Anónimo disse...

este senhor, quer tudo caladinho.
a verdade sobre os corruptos do PS é uma futilidade ?

deves ser do ps, futil

Para além de futil és paspalho. Remete-te à tua insignificância. Se fosses inteligente (já deu para ver que não és) tinhas reparado que não ligo nada à politica. Se calhar, por se ligar tanto é que estamos como estamos. Vai dar banho à minhoca.

terça-feira, 03 novembro, 2009  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Site Meter