domingo, 20 de novembro de 2011

FALA DO HOMEM NASCIDO

Venho da terra assombrada

do ventre de minha mãe

não pretendo roubar nada

nem fazer mal a ninguém

Só quero o que me é devido

por me trazerem aqui

que eu nem sequer fui ouvido

no acto de que nasci

Trago boca pra comer

e olhos pra desejar

tenho pressa de viver

que a vida é água a correr

Venho do fundo do tempo

não tenho tempo a perder

minha barca aparelhada

solta rumo ao norte

meu desejo é passaporte

para a fronteira fechada

Não há ventos que não prestem

nem marés que não convenham

nem forças que me molestem

correntes que me detenham

Quero eu e a natureza

que a natureza sou eu

e as forças da natureza

nunca ninguém as venceu

Com licença com licença

que a barca se fez ao mar

não há poder que me vença

mesmo morto hei-de passar

com licença com licença

com rumo à estrela polar


António Gedeão

Teatro do Mundo



Etiquetas: ,

10 Comentários:

Anonymous Cuco disse...

neste blog cabem:

- todos os escritores que utilizam a língua portuguesa respeitando as suas regras gramaticais, semânticas (em vigor), evitando o uso do calão e/ ou termos que socialmente sejam considerados «menos próprios».

- todos os escritores que não tendo tempo para gerir na totalidade a politica definida no paragrafo anterior, encurtam as palavras escrevendo – como exemplo – «k» em vez de «que», «brgd» em vez de «muito obrigado», etc. etc.

- todos aqueles que carentes de uma educação básica (falha imputada ao Estado Português) escrevam merda com x.

***ESTE BLOG É DE TODOS E PARA TODOS.***

domingo, 20 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Desculpem a minha intromissão neste post com um comentário fora do contexto, mas não posso deixar de vir aqui, ao blog da minha cidade, seja ele bom ou mau, manifestar o meu desagrado com a contínua decadência dos bombeiros voluntários desta cidade. É lamentável e repugnante a resposta dada pelo sr. Comandante na noticia do alto Alentejo sobre uma inundação que não foi atendida a tempo. Toda a gente sabe que os bombeiros são voluntários e têm os seus empregos e nem sempre estão disponíveis, mas nunca na vida se deu respostas destas aos cidadãos que esperam e desejam ser socorridos nas horas de aflição, seja uma inundação como esta, ou uma paragem cardíaca. Vem o sr. Comandante dizer que “os bombeiros só vão quando podem”, e que asseguram um piquete mínimo apenas para a área da saúde, quando anteriormente veio para a comunicação social dizer que tinha um quadro de quase duas centenas de elementos disponíveis. Então onde estão esses elementos agora, que não conseguiram encontrar nenhum com carta de pesados para conduzir a auto-escada? Onde estão os bombeiros para se deslocarem ao local a averiguar a situação, para tranquilizar as pessoas, e depois decidir se havia necessidade de usar a auto-escada? Qualquer bombeiro se podia ter lá deslocado em qualquer veiculo para fazer uma averiguação primaria. Vem dizer que não conseguiu arranjar motoristas de pesados, quando no dia anterior, pela mesma hora colocou 3 viaturas pesadas numa ocorrência na estrada de Alpalhão para um camião a arder. Embora tenham saído a conta gotas, foi-se conseguindo arranjar pessoal, e se calhar se tivessem tocado a sirene mais depressa sairiam os meios. Mas afinal parece que agora não se pode tocar a sirene, palavras do sr. Comandante. A razão é simples, o pessoal está tão desanimado e de costas voltadas com o comandante, que a sirene corre o risco de tocar vários minutos e apenas aparecerem meia dúzia de bombeiros, e por isso é melhor não a tocar para não passar vergonhas. Quando para uma ocorrência de fuga de gás com explosão num edifício industrial, sai uma viatura com apenas 3 elementos, quando a sua guarnição deve ser de 6, está tudo dito. É uma vergonha o que se passa naquela casa e quem comando e dirige continuar a assobiar para o lado como se tivesse tudo bem. Há meses que se vem a degradar cada vez mais a comparência de elementos do quartel. Desde a presença de apenas 12 bombeiros para uma formatura num dia de comemoração, o que é ridículo para uma casa com quase 200 elementos, ao envio sistemático de SMS a todos os bombeiros a pedir por favor para darem disponibilidade para os serviços de escala, porque todos se começaram a afastar, será que não chega de sinais para estas pessoas perceberem que algo esta mal????
Peço às autoridades politicas da nossa cidade que façam alguma coisa por esta situação, falem com os bombeiros, não com os comandantes ou directores, para saberem a verdade. A direcção liderada pelo biscainho, vai levar aquela casa à desgraça como fez na camara municipal. Perguntem onde anda o ex-comandante realinho, que faz parte da direcção e deixou de aparecer porque não é capaz de lutar sozinho contra as injustiças que aquela gente pratica, e afastou-se, assim como outros elementos da direcção. O biscainho tem o comandante na mão e faz dele uma marioneta. Os bombeiros viram as costas e alem da quantidade disponível neste momento, começa a acontecer uma coisa muito mais grave, a qualidade dos disponíveis é muito preocupante. Srs. Desta cidade, façam alguma coisa pelos bombeiros, antes que seja tarde demais. Bombeiros não tenham medo de represálias, se acham que se pode mudar as coisas, ao invés de voltarem costas, unem-se e mostrem o que querem para bem de todos, mesmo que isso implica mudança de muita coisa, inclusive do comando. Por mais mal que isso esteja, a renovação é sempre benéfica. Ponham o nome dos bombeiros de Portalegre, no lugar que merece.

terça-feira, 22 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

melhor ainda, o tal que chamava nomes ao comandante e não o podia ver na frente, que ate fez com que o amigo fosse expulso, agora é vê.lo aqui nos copos com o comandante todos amiguinhos. bastou darem-lhe o cargo de chefe de serviço, para agora ser outro lambe botas. nos anos anteriores disse tão mal do facto de existirem bombeiros funcionarios da casa, a ganhar de dois lados, estando no horario de trabalho e nos piketes ao mesmo tempo, e este ano ele foi o que mais usou isso, é uma vergonha, é outro merdas igual aos outros, é um grande filha da puta, que agora ate faz serviços de consulta depois das 6 da tarde, coisa que nunca na vida fez, assim se vê a verdadeira pessoa que é. BAMBULO ÉS UM MERDAS IGUAL.....DEVIAS TER VERGONHA, DEPOIS DE TUDO O KE DISSESTE DENTRO E FORA DO QUARTEL SOBRE ESSES SENHORES QUE AGORA ACOMPANHAS....XULO

terça-feira, 22 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

ressabiado!!!

quarta-feira, 23 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Não conseguiste de uma maneira, tentas de outra. Não és tu, mesmo com informação previligiada do CDOS,que consegues manchar o nome dos Bombeiros de Portalegre, pois se não fossem estes o que teria sido de ti?
Cuspir no prato onde se janta é muito feio!

quarta-feira, 23 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

...como tu hà mais, fraquinhos de cabeça, iludidos com as tuas ideologias de merda!

-De que quem não està comigo, já não presta! coitados dos santanas, dos caceres, etc., ao que parece são dos tais que fazem numero e nem para marchar servem.

quarta-feira, 23 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Para responder a estes dois comentários anteriores, pois fiquem sabendo que o vosso alvo está fora do sitio. Estão muitos enganados relativamente à pessoa que querem atinjir. EU estou cá dentro e sei do que se passa aqui todos os dias. Infelizmente ninguém no ouve aqui, e temos que vir para os blogs. Voces que veem aqui defender o indefensável é que deviam ter vergonha, andam aqui como eu, veem as coisas que eu vejo e fazem de conta que está tudo bem, e agora querem vir atacar quem já se esqueceu de voces e se calhar foi o melhor que ele fez. Abram a pestana e concentrem-se no essencial, e deixem-se de andar a inventar bodes expiatórios de pessoas que já ca não estão. O mal tá cá dentro não lá fora.

quarta-feira, 23 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

aliás, ainda digo mais, até pelo teor dos comentarios e dos nomes indicados, só pode ter sido o proprio comandante a escrever. que esta ali no gabinete a escrever na internet em vez de escrever a carta de demissão.

quarta-feira, 23 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

oh garrincha, tá calado pá, vai beber mais umas medias. deixa quando a verinha souber dos encontros escondidos ali no contentor da central com a tua amiga lorinha, levas com o rolo da massa. tens o gabinete la do outro lado, e tas sempre aqui enfiado com ela, coitada da loira, ate a agua do figorifico apanha todos os dias de cocoras.....

quarta-feira, 23 novembro, 2011  
Anonymous Anónimo disse...

Incrivel há um comentário que fala de ideologias e nomeadamende de um caceres e um santana...mas será que numa casa com 170 bombeiros como se afirma nas entrevistas pela parte do comando,é a ausencia de 2 bombeiros que faz a diferença...será que não está na altura de reflectir sobre o que está mal e corrigir???
Estes comentários já são do conhecimento além fronteiras da nossa cidade ,não estou ligada a qualquer tipo de meio/entidades que operam com os bombeiros, mas bolas este tipo de confusões já chateia..aconteceu desde que o comando dos BVP mudou...será que não está na altura de reflectir...Senhor Comandante meta a mão na consciencia, senhores bombeiros vocês são os pilares da casa, se não concordam com a maneira de trabalho deste comando confrontem-no apertem-no.
Este comentário foi proveniente visto já ter analisado tantos sobre os bvp e para nova não caminho, e causa-me algum transtorno o socorro da nossa cidade estar em risco

sexta-feira, 25 novembro, 2011  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Site Meter